Carrer de L’ Almudaina - a Rua ideal para conhecer um pouco mais da história de Mallorca

A Carrer (rua) de L’ Almudaina está muito próxima à Catedral e à Prefeitura de Palma. É muito fácil de encontrá-la. Começa na Carrer Palau Reial e termina na Carrer d’en Morei. É bastante estreita e curta. É uma rua típica do centro histórico de Palma de Mallorca com um fantástico acervo cultural. Aqui você conhecerá  casas senhoriais e os seus pátios. Apresentam-se em diversos estilos. Um famoso arco une-se  ao conjunto para lhe dar mais glamour ainda!

A cidade de Palma foi fundada pelos romanos no ano 123 a.C. e Mallorca esteve sob o comando dos árabes de 903 a 1.229.

Todos os nomes que começam por “al” são de origem árabe e Almudaina significa fortaleza (al-mudayna).

Vamos ao assunto e começo pelo primeiro pátio:

 

Can Oleo - Carrer de L’Almudaina nº 4.

A casa é do século XIII. Entretanto no século XV pertenceu a uma família de corsários da Coroa de Aragão chamada Thomàs. O seu nome atual procede da pessoa que foi o seu último proprietário, Francesc Oleo, que era médico. Tem uma extensão de mais de 2000 metros quadrados distribuídos em 4 andares. O que se pode ver e visitar deste edifício, que é protegido como Bien de Interés Cultural, é a entrada principal, ou seja, o seu pátio. Esteja atento aos detalhes da escada gótica do século XV que nos chama a atenção  e que está à esquerda.É única neste gênero na cidade. Está decorada com motivos circulares imitando rosas. 

À direita estão as janelas de estilos renascentista e gótico. Simplesmente fantásticas. Por certo, Can Oleo esteve sob reforma durante 5 anos e foi reinaugurada em 2011.

Atualmente é a Sede da UIB - Universidade das Ilhas Baleares.

 

Seguindo o nosso passeio, a próxima casa chama-se Can Oms - Carrer de L’Almudaina nº 7. Foi propriedade de Jerònim Doms em 1.642. Ele era de origem nobre. Durante os séculos XVII e XVIII foi habitada pela Familia Oms. O pátio é bastante amplo: à esquerda existe um portal com uma decoração gótica, proveniente de uma outra casa. À direita, depois de um bonito artesoado de madeira e os arcos rebaixados está uma cisterna com formato octogonal.

Não deixe de fotografar uma janela que compõe-se com um balcão - em espanhol “ventana balconera” - aí apreciamos o brasão da Familia Oms.

O acesso à casa era feito por umas escadarias com varanda forjada em ferro. Muito elegantes.

 

A outra casa senhorial encontra-se no número 9 - chama-se Can Bordils (também Can Villallonga-Escalada ou Can Sureda-Zanglada). De acordo com a história, este prédio tem a sua origem na época islâmica. Pertenceu à varias famílias e o seu último nome provêm dos “Bordils” que aí habitaram do século XVII ao século XIX.

 

Muito interessantes as duas janelas renascentistas na sua fachada. Em Mallorca, como em muitas cidades da Europa, era muito comum que as famílias com alto poder aquisitivo, tivessem o seu próprio escudo. Este era colocado nas portas, colunas ou janelas, como neste caso. 

Em 1.554 a Familia Sureda-Zanglada a reformou. O pátio de Can Bordils é quadrado e tem arcos nos quatro lados.

Tanto Can Oms como Can Bordils pertencem à Prefeitura de Palma e têm um horário que podem ser visitados e fotografados os seus pátios, ou seja, de segunda-feira à sexta-feira, de 09:00 às 14:00, exceto feriados. Fora destes horários, poderão ser fotografadas da rua.

 

As surpresas não terminaram…

Pegadinhos à Can Bordils, e, sempre está fechado o portão, mas pode-se fotografar perfeitamente, existem dois arcos renascentistas que são resultado de uma reforma  feita no imóvel quando este era habitado, de acordo com informações da Guia de Turismo das Ilhas Baleares, Maria Dolores Garcia Lopez, Lola.

Agora volto a falar dos romanos! Aproveite para fotografar o Arco de L’Almudaina, que com certeza, é a joia da coroa. Era a porta do recinto romano. Esta rua estava dentro da planificação urbana deste Império. Era o "Desumanos Norte". Nos tempos dos árabes foi usada como acesso ao Palácio de la Almudaina, de onde procede o seu nome.

Detrás do Arco existe uma estrutura de cimento usada desde os tempos mais antigos para evitar o golpe das rodas das carruagens. É engenhoso.       

Você verá um divertido mini crocodilo na parede de frente ao Arco. Não se assuste. Ria e muito! Este é fruto da famosa lenda palmesana “El Drac de na Còca”. Dizem que no século XVII um dragão assustava as pessoas que viviam perto da Catedral de Palma e adjacências quando saía de noite para buscar comida…

Mas as suas aventuras terminaram quando o valente Capitão Bartomeu Coc matou-o com a sua espada. Será que era um dragão ou uma pequena lagartixa? Mistérios e dúvidas da natureza!

 

O seu tour chegou ao final. E esta é a esquina da Carrer D’en Morey, outra rua icono em Palma. 

Eu curti muito escrever este blog e dar a você todas as dicas sobre a cidade de Palma de Mallorca que é super interessante.

Quer saber mais coisas ou tem alguma dúvida, é só escrever para  info@eliana-guia.com . Terei muito prazer em esclarecê-la. Achou útil? Por favor, compartilhe com os amigos.

 

Até a próxima vez e muitos abraços de Mallorca,

Eliana Pacifico

Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares.

 

Meu Facebook e meu Instagram

 

www.eliana-guia.com Blog Feed

Carrer Morei - a Rua das Lembrancinhas - 1 (mar, 21 ene 2020)
Os tempos estão mudando a uma velocidade incrível, mas, na minha opinião existem coisas que você faz como de costume, como por exemplo, quando viaja: comprar lembrancinhas ou aquele famoso detalhe para uma pessoa querida, um familiar ou para si mesmo. Bate aquela vontade ou aquela sensação de não saber quando você voltará ou se voltará e por aí vão as coisas.  E para estes momentos ou para quando estiver em Palma, eu lhe vou dar umas dicas sobre duas lojas que estão localizadas em uma das mais cêntricas ruas da cidade, ou seja, Carrer (rua em português) d’en Morei e que sempre me chamaram muito a atenção. Por certo, esta rua está próxima à Plaza Santa Eulália e à Carrer de L’Almudaina. É praticamente uma passagem obrigatória para quem visita o centro histórico da cidade. Curiosos para saber os motivos? Vamos por partes: - o nome de uma das Lojas é Cachivache. Esta palavra significa traste! Além do mais trata-se de uma homenagem à Pequena Sereia, um filme que encantou a mais de meio mundo. Existe um momento neste filme no qual a personagem principal pergunta a uma gaivota o nome de um garfo e esta responde: cachivache.  Esta loja foi aberta em 1995 - há quase 25 anos atrás - pelas sócias alemãs Angelika Zacherl e Petra Rechenauer. Elas são de Munique e se conheceram quando trabalhavam em um hotel na Ilha espanhola de Fuerteventura. Decidiram “apostar” por Mallorca abrindo uma das primeiras lojas de lembrancinhas na turística Carrer D’en Morei. O que oferece Cachivache? De acordo com Angelika, coisas muito pessoais tais como: Leques artesanais feitos com madeira de noz, avelã, maçã ou pêra. Eles estão pintados à mão em edições limitadas. E podem ser combinados com cangas ou echarpes, de acordo com a estação do ano. Eu adorei modelos com borboletas, bicicletas, flores etc. Entretanto, o mais procurado, é o relacionado com o “flamenco”. De acordo com ela, os turistas italianos e russos são os seus principais admiradores. As bijuterias e bolsas de couro também são artesanais.  Cachivache têm uma grande variedade de chapéus feitos 100% com fibra vegetal e que são provenientes do Equador, mesmo que o seu nome seja Chapéu-Panamá. Ela me explicou que eles são feitos à mão, com uma palha chamada toquilla e que é tecida em trama fechada através de um processo muito elaborado. Existe uma fita por dentro do mesmo para que ele possa ser ajustado à cabeça, se for necessário.  Existe uma coleção de sabões naturais incluindo uma marca feita com azeite de oliva virgem extra como ingrediente principal e karitê. Se você quiser perfumar a sua casa com um excelente ambientador francês, pergunte por Bouquet’s ou leve sachês de lavanda feitos com muito mimo em Mallorca. Se estiver querendo enviar aquele cartão postal de bom gosto sobre os principais pontos turísticos maiorquinos, em Cachivache você o encontrará! Cartão postal de La Lonja - Palma. Cartão postal de La Lonja - Palma. Angelika ama decorar a loja com rosas. Parecem que são de verdade e também estão à venda.   Suportes para copos Atravessando a rua, quase na frente de Cachivache está a outra loja: Típika. Há quatro anos as sócias decidiram montá-la com artigos maiorquinos muito interessantes. Petra esta aí. No próximo Elianas Blog lhe prometo contar tudo o que eu ví de interessante nesta loja! Endereços  e os horários? Anote: Cachivache - Carrer d’en Morei 4A Típika - Carrer d’en Morei 7   Horários das 2 lojas: Inverno:  segunda-feira a sexta-feira: 10h às 18h                  sábado : 10h às 15h                  domingo: fechadas.   Primavera-Verão-Outono:                    segunda-feira a sexta-feira: 10h às 20h                  sábado:    10h às 18h                  domingo: 10h às 15h   Achou interessante este artigo? Será útil para alguém que esteja viajando a Mallorca? Compartilhe-o, por favor! Muito obrigado pela leitura e até o próximo Elianas Blog comentando mais coisas interessantes sobre esta Ilha que eu tanto amo! Dúvidas ou perguntas: info@eliana-guia.com   Abraços de Mallorca Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares    Meu Facebook e meu Instagram
>> Leer más

Onde fazer os 5 melhores "selfies" em Mallorca (Tue, 31 Dec 2019)
Você sabia que a Espanha é o País onde se faz mais selfies na Europa? De acordo com uma pesquisa publicada recentemente, cada espanhol  fez uns 728 selfies durante o ano de 2019. A Itália, a Alemanha e a França também estão na crista desta onda.  Com a calculadora na mão comprovamos: 728 selfies ÷ 12 meses: 60 ÷ 30 dias: 2 selfies diários!  Outro detalhe que eu quero mencionar…os espanhois gostam de postar as suas fotos sem filtros para serem vistos como mais naturais e autênticos. As tablets são usadas, mas, os chamados “smartphones” são os preferidos na hora de imortalizar um selfie com os amigos, familia ou mesmo sozinho. Aqui na Espanha existem muitas campanhas pelo uso responsável  e consciente dos celulares para evitar acidentes e que assim não possam desvirtuar o principal objetivo que é o de curtir o momento e o lugar do selfie. Por outro lado, muitos expertos comparam os auto-retratos com o narcisismo ou mesmo o auto-protagonismo.  Agora, na minha opinião, ficar fora do Facebook, Instagram ou deixar de “retuitear” algum fato importante nos dias de hoje, é tremendamente difícil. As redes sociais transformaram-se na carta ou no cartão postal do passado. Um passado que é muito recente, se o analisamos. Lugares bonitos, natureza a tope, cidades e povoados charmosos,  bom clima, praias incríveis, boa comida etc fazem com que Mallorca seja super fotogênica e instagramável! Mais de 14 milhões de turistas durante o ano de 2018 puderam desfrutar de experiências que valeram a pena aqui na Ilha. E por falar em clima, praticamente durante todo o ano é possível curti-la, inclusive nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro, quando há muita neve na maioria dos países europeus.  É uma boa oportunidade para encontrá-la mais vazia, menos tempo de espera para ser atendido nos bares, restaurantes e comércio em geral. E os preços são mais acessíveis nos hotéis, também. Assim que você têm motivos de sobra para incluir Mallorca nas suas próximas férias, e, eu lhe darei  dicas sobre os cinco melhores lugares da Ilha para fazer selfies super legais.  Prepare bem o seu celular e vamos lá: ULTIMA HORA ULTIMA HORA Es Colomer - é um miradouro situado em Pollença e que encontra-se a mais de 200 metros acima do nível do mar. Para chegar até lá você seguirá a estrada que vai de Pollença - porto ao Hotel Formentor. Está localizado à esquerda nesta estrada. Na temporada alta, ou seja, de maio a setembro, é bastante difícil encontrar estacionamento. A sugestão é ir bem cedinho e assim tentar evitar engarrafamentos e falta de espaço.Outro detalhe é que trata-se de uma estrada estreita e bastante antiga. Paisagens e lugares fantásticos estarão ao seu alcance. Eu não me canso de admirar a pequena Ilha chamada Es Colomer e que dá nome a este lugar. Você também vai curtir o final da  Serra de Tramuntana, Patrimônio da Humanidade desde 2011. Já está imaginando a quantidade de selfies? Aqui está o mapa do Google: Praia de Formentor - é uma das praias mais bonitas e bem cuidadas de Mallorca.Está a uns 10 minutos de carro do Miradouro de Es Colomer. Aproveite para caminhar, nadar, tomar aquele desejado sol e fazer mais auto-retratos junto ao Hotel Formentor. Este emblemático Hotel é de 5 estrelas e foi inaugurado com todas as pompas em 1929. Muita gente famosa hospedou-se aqui: Agatha Christie, Charles Chaplin, Gracie Kelly, Raniero de Mônaco…. A minha dica para o selfie perfeito: a foto feita desde a praia e com o belíssimo jardim do hotel como tela de fundo. Inesquecível! Anote na agenda! Outra dica: é possível tomar um café ou mesmo almoçar na cafeteria do hotel. Está pertinho da praia - bem na frente -  existe serviço de ducha e toalete, uma área muito ampla com mesas tanto dentro como fora, ao ar livre. Existem muitas árvores e sombra é o que não falta. É um lugar idílico. Se for de carro, o Hotel Formentor dispõe de um estacionamento que pode ser usado bem próximo ao mesmo. O ano passado custava 15 Euros. Se você optar por Palma de Mallorca aproveite para seguir com as selfies perfeitas: Castillo de Bellver - já foi tema do Elianas Blog - Ao redor deste edifício  existe um enorme bosque e umas vistas maravilhosas sobre a baia de Palma. Se você quiser visitá-lo - 4,5E o preço do ingresso - lhe recomendo subir até o último andar do prédio - umas vistas incríveis de 360’ graus. Toda Palma estará a sus pés. Aproveite muito bem o seu plano de fundo e capriche na pose certa. Parc de la Mar - sempre levo os meus clientes a este espaço. Está na parte de baixo da Catedral. Uma tremenda área com mais de 50.000 metros quadrados. Para arrasar neste clique, desça as escadas até o final, e assim poderá fotografar o Palácio de la Almudaina e a Catedral ao mesmo tempo. Eu lhe garanto que as fotos sairão estupendas! Fique atento porque existem muitas esculturas, um mural dedicado ao artista catalão Joan Miró e um lago formado com as aguas do Mar Mediterrâneo (daí vem o nome). Se quiser curtir aquele momento natureza, dirija-se a um palmeiral que está do lado oposto. Valerá a pena. Aproxima-se o momento de ouro ou explicando-me melhor: visite a milha de ouro palmesana. Está a 5 minutos da Catedral. Está  no Paseo Des Born pertinho da Plaza de la Reina.  Aqui o seu selfie  inclusive ficará mais charmoso e mais valorizado. Você estará ao lado de casas senhoriais maiorquinas e das lojas de grife como Rolex, Louis Vuitton, Max Mara, Hugo Boss…não perca o seu tempo e capriche na pose e saiba aproveitar o que você tem a sua volta! Com certeza os seus seguidores curtirão este momento e aumentarão os seus likes.   Por certo, a abertura deste Blog foi com uma imagem captada no Rio de Janeiro...cidade que Uli e eu curtimos muito. Não se preocupe porque em Mallorca você encontrará muito lugar disponível para fazer os seus selfies! Mais dicas? Alguma dúvida sobre como desfrutar de  Mallorca nas suas próximas férias? Estou à sua disposição em info@eliana-guia.com Gostou do artigo ou poderá ser útil a alguém? Por favor, compartilhe-o! Obrigada pela presença e até a próxima vez.  Feliz 2020!   Abraços de Mallorca, Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares    Meu Facebook e meu Instagram
>> Leer más

Escribir comentario

Comentarios: 0