Orient, um dos povoados mais bonitos de Mallorca - o que ver e fazer

As paisagens e a localização deste povoado não poderiam ser melhores. Foi catalogado como “Bien de Interés Cultural” em Mallorca. Assim é Orient. Está localizado a quase uma hora de carro de Palma. Está pertinho da Serra de Tramuntana, Patrimônio da Humanidade desde 2011, o que facilita as caminhadas e o ciclismo.

Para chegar até lá você terá que pegar a estrada que vai da cidade de Bunyola a Alaró. É como se fosse uma serpentina. Cheia de voltas. Vale a pena, não desanime!

Orient pertence à Bunyola, tem menos de 30 habitantes e fazendas muito bonitas. A área verde supera todas as nossas expectativas. Este povoado está situado em um  pequeno planalto entre o Penyal d'Honor,  o Puig de Alaró e a Sierra de Alfabia, em uma das áreas  mais férteis de Mallorca. 

A maioria das casas são de pedra e do século XIV e XV. Estão situadas em umas ladeiras bem íngremes. 

Coll de Honor. 810 m
Coll de Honor. 810 m

Se você é da turma que gosta de caminhar, prepare-se para ir até o Castelo de Alaró. Entre a ida e a volta serão necessárias umas 4 horas. Está muito bem sinalizado: Carretera Ma 2100 Bunyola-Alaró (km 18.150). Curta além das maravilhosas vistas a “Ruta de Pedra en Seco”. Esta rota, que é a cara de Mallorca, apresenta um trabalho artesanal feito pelo pedreiro maiorquino que talha pedra por pedra e depois vai encaixando uma na outra para compor um muro que servirá para delimitar terrenos ou separá-los da estrada. É uma bonita herança árabe.

Por certo, o Castillo de Alaró está situado no Puig de Alaró que tem uma altura de 822 metros acima do nível do mar.

Comece visitando a “Iglesia de Sant Jordi”. Está a 450 metros acima do nível do mar e é do século XVIII. Neste lugar, anteriormente, havia um oratório do século XIII. Com certeza você ficará encantado com os chamados “lavaderos públicos” - ponto de reunião da sociedade do passado quando não existiam as máquinas de lavar.

Iglesia de Sant Jordi
Iglesia de Sant Jordi
Antiga escola
Antiga escola
Restaurante Mandala, direito.
Restaurante Mandala, direito.

No endereço “Camino Castell 143” você encontrará o Restaurante Es Verger que é super famoso pelas comidas típicas maiorquinas incluindo o cordeiro feito com cerveja. Está aberto de terça-feira a domingo, de 07:30h às 20:00h, com estacionamento e terraço exterior. Ele é bastante rústico, e, até chegar lá, transita-se por uma estrada antiga e estreita, cheia de curvas em muitas partes, e os barrancos também fazem parte do cenário….prudência e muita atenção ao volante são necessárias .

Você verá ao chegar no topo da montanha as baías de Palma, Alcudia, uma parte da Serra de Tramuntana e a comarca do Pla de Mallorca. Incrível. Tome um bom tempo para curtir todo este espetáculo da natureza. Se quiser um cafezinho, dirija-se à cafeteria de um pequeno hotel - "La Hospederia” del Castillo de Alaró. Está aberto todo o ano.

Puig de Alaró. 822 m
Puig de Alaró. 822 m

 

Sobre a rota com bicicleta, destaco a Valle de Orient-Coll d’Honor. Demora-se uma hora para chegar até lá, aproximadamente. Vale a pena, mas as subidas são muito fortes. Se tiver fome ou sede existem bares e restaurantes no povoado. A descida é, possivelmente, umas das mais bonitas e apreciadas da Ilha. 

Restaurante Es Verger
Restaurante Es Verger

E se você quiser hospedagem em um hotel de 5 estrelas, L’Hermitage é uma excelente opção. Somente 20 quartos com acesso a um Spa em um entorno nota 10! Também servem comidas maiorquina e internacional no restaurante do hotel. Está ao lado do Coll d'Orient.

Dalt Muntanya é um hotel de 3 estrelas - o chamado “Petit Hotel con encanto en Mallorca”, com o seu respectivo restaurante. Estão na Carretera Bunyola-Orient, quilômetro 10.

E a natureza, vez ou outra, surpreende-nos em Orient: Es Salt des Freu. Nas épocas de primavera e inverno, depois de dias de chuvas muito fortes, em Mallorca surgem certas fontes e cascatas. A água brota com muita força de lugares incríveis. Recomendo roupa adequada e botas. Existem lugares com barro e lama. O começo do trajeto é no quilômetro 8,5 da Carretera de Bunyola para Orient. Atenção porque você encontrará uma placa de madeira indicando “Santa Maria 2h 40 min”,  mas, não se assuste. Você passará uns 25 minutos caminhando. Tente chegar bem cedinho, melhor sobre as 10h, porque depois o estacionamento que é feito na beirada da estrada, não será fácil. A primeira parte da rota é através de um caminho de pedra e com vistas à Serra de Alfabia. Você encontrará também um torrente, e, possivelmente terá que saltar umas pedras para poder cruzá-lo. No final do caminho localiza-se uma cascata de 7 metros de altura. Neste local e adjacências, através de empresas especializadas, as pessoas fazem rapel, tobogan, saltos, escaladas etc.

 

Que interessante é Orient ! Tenho certeza de que você ficará encantado depois de conhecê-lo. 

Gostou da leitura? Achou interessante? Compartilhe com a família e amigos. Mallorca é paixão à primeira vista.

Até o próximo Elianas Blog.

Abraços de Mallorca.

 

Eliana Pacifico

Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares.

Meu Facebook e meu Instagram.

www.eliana-guia.com Blog Feed

O vidro soprado maiorquino (mié, 01 abr 2020)
De acordo com a história foram os romanos os responsáveis pela difusão da técnica do vidro soprado pelo Mediterrâneo. Uma coisa eu estou muito segura é que a pessoa que o elabora têm bons pulmões, paciência e precisão. É muito parecido à produção de bolhas de sabão ... Os profissionais deste setor utilizam um tubo muito comprido e fino através do qual väo soprando continuamente uma massa de vidro fundido muito quente para criar um objeto que poderá ser, por exemplo, uma garrafa, um cinzeiro ou uma azeiteira. É um processo artesanal muito laborioso.Estes produtos também podem ser feitos com moldes através de máquinas. No caso de Mallorca, a fabricação deste tipo de vidro começou sobre o século XVIII através de Gordiola, uma empresa situada em Algaida, um bonito povoado maiorquino. O edifício, inaugurado há mais de 50 anos, é uma espécie de um palácio, no qual você pode ver o trabalho dos funcionários utilizando fornos que alcançam 1.200 graus de combustão, visitar um museu com interessantes peças de cristal de todo o mundo e a sua loja. Mallorca tem mais 2 fábricas de vidro soprado: Lafiore, onde é produzida a bonita azeiteira de cristal entre outros produtos. É um artigo elegante e bastante vendido. Eles trabalham com o vidro reciclado e apostam por um processo criativo inovador. Não existe um produto igual ao outro.As peças são únicas! Para Menestralia, a outra empresa fundada em 1965, o artesanato não tem fronteiras e renunciar à industrialização ê uma forma de manter e conservar toda a arte e magia de um ofício milenário.  Nesta fábrica o vidro é fundido durante 8 horas em um forno a 1.300 graus. A esta “massa” serão acrescentados minerais para obter uma determinada cor. Uma vez finalizada a etapa de soprado e da elaboração do objeto, esta peça será introduzida em um outro forno chamado “arca corredera” durante 4 horas para que, pouco a pouco, alcance a temperatura ambiente. O vidro maiorquino recebeu uma grande influência do vidro veneziano e é multicolor, além de ser de uma incrível tradição. Endereços e horários das Lojas:   Vidrios de Arte Gordiola Carretera Palma-Manacor Km 19 - Algaida De segunda-feira a sábado - 09:00 H - 18:00 H Domingo - 09:30 H - 13:30 H   La Fiore Carretera Valldemossa , km 11 - S’Esgleieta De segunda-feira a sexta-feira - 09:00 H - 18:00 H Sábado - 09:00 H - 13:00 H Domingo - fechada.   Menestralia Autopista Palma Sa Pobla Km 36 - Campanet De segunda-feira a sexta-feira - 10:00 H - 19:00 H Sábado - 10:30 H - 13:30 H Domingo - fechada.   Muito obrigada pela leitura e até o próximo Eliana’s Blog com mais casos interessantes sobre Mallorca. Abraços de Mallorca, Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares   Meu Facebook e meu Instagram
>> Leer más

Os Jardins do Palácio de Marivent (Tue, 10 Mar 2020)
Em maiorquino a palavra Marivent significa mar e vento. Joan Saridakis, Egípcio, pintor e colecionador de arte, decidiu comprar um terreno em Cala Major, Palma de Mallorca e construir um palácio com vistas ao Mar Mediterrâneo. De acordo com a história, ele era muito rico, fruto do seu trabalho como engenheiro de minas de cobre no Chile. A construção do edifício foi super rápida, ou seja, de 1923 a 1925. Assim foi criado o Palácio de Marivent.  Depois da morte de Saridakis em 1965, e de acordo com a sua vontade, a sua viúva decidiu doar este prédio ao então Governo das Ilhas Baleares que posteriormente decidiu passá-lo à Familia Real Espanhola para as suas férias na Ilha. Desde 2017, o atual Governo das Ilhas Baleares decidiu abrir os jardins do Palácio de Marivent para visitação pública.O acesso é grátis. Estes jardins têm uma área verde de uns 9.155 metros quadrados. Está muito bem cuidado e é pequeno se o comparamos com outros espaços naturais. Dispõe de acesso para cadeirantes, toaletes e bancos para poder se sentar e desfrutar de um ambiente tranquilo e agradável. Além de ser um lugar onde você encontrará muita vegetação nativa de Mallorca. A família do artista catalão, Joan Miró cedeu 12 esculturas de bronze para decorá-lo de uma maneira muito original. Leia aqui sobre a excursão programada para este lugar. Um detalhe muito importante: os jardins estão fechados durante a semana santa (uns 15 dias) e de 15 de julho a 15 de setembro porque é a época das férias da Familia Real Espanhola em Mallorca. Jardins de Marivent Avinguda de Joan Miró, 229 Palma de Mallorca Horário: De segunda-feira a domingo: 09:00h a 16:30h. Muito obrigada pela presença e se gostou, por favor, compartilhe o artigo. É um enorme prazer escrever sobre este paraíso chamado Mallorca. Até o próximo Eliana’s Blog.   Abraços de Mallorca, Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares   Meu Facebook e meu Instagram Nombre Email Mensaje He leído y acepto la Política de privacidad. Atención: Los campos marcados con * son obligatorios.
>> Leer más

Escribir comentario

Comentarios: 0