Orient, um dos povoados mais bonitos de Mallorca - o que ver e fazer

As paisagens e a localização deste povoado não poderiam ser melhores. Foi catalogado como “Bien de Interés Cultural” em Mallorca. Assim é Orient. Está localizado a quase uma hora de carro de Palma. Está pertinho da Serra de Tramuntana, Patrimônio da Humanidade desde 2011, o que facilita as caminhadas e o ciclismo.

Para chegar até lá você terá que pegar a estrada que vai da cidade de Bunyola a Alaró. É como se fosse uma serpentina. Cheia de voltas. Vale a pena, não desanime!

Orient pertence à Bunyola, tem menos de 30 habitantes e fazendas muito bonitas. A área verde supera todas as nossas expectativas. Este povoado está situado em um  pequeno planalto entre o Penyal d'Honor,  o Puig de Alaró e a Sierra de Alfabia, em uma das áreas  mais férteis de Mallorca. 

A maioria das casas são de pedra e do século XIV e XV. Estão situadas em umas ladeiras bem íngremes. 

Coll de Honor. 810 m
Coll de Honor. 810 m

Se você é da turma que gosta de caminhar, prepare-se para ir até o Castelo de Alaró. Entre a ida e a volta serão necessárias umas 4 horas. Está muito bem sinalizado: Carretera Ma 2100 Bunyola-Alaró (km 18.150). Curta além das maravilhosas vistas a “Ruta de Pedra en Seco”. Esta rota, que é a cara de Mallorca, apresenta um trabalho artesanal feito pelo pedreiro maiorquino que talha pedra por pedra e depois vai encaixando uma na outra para compor um muro que servirá para delimitar terrenos ou separá-los da estrada. É uma bonita herança árabe.

Por certo, o Castillo de Alaró está situado no Puig de Alaró que tem uma altura de 822 metros acima do nível do mar.

Comece visitando a “Iglesia de Sant Jordi”. Está a 450 metros acima do nível do mar e é do século XVIII. Neste lugar, anteriormente, havia um oratório do século XIII. Com certeza você ficará encantado com os chamados “lavaderos públicos” - ponto de reunião da sociedade do passado quando não existiam as máquinas de lavar.

Iglesia de Sant Jordi
Iglesia de Sant Jordi
Antiga escola
Antiga escola
Restaurante Mandala, direito.
Restaurante Mandala, direito.

No endereço “Camino Castell 143” você encontrará o Restaurante Es Verger que é super famoso pelas comidas típicas maiorquinas incluindo o cordeiro feito com cerveja. Está aberto de terça-feira a domingo, de 07:30h às 20:00h, com estacionamento e terraço exterior. Ele é bastante rústico, e, até chegar lá, transita-se por uma estrada antiga e estreita, cheia de curvas em muitas partes, e os barrancos também fazem parte do cenário….prudência e muita atenção ao volante são necessárias .

Você verá ao chegar no topo da montanha as baías de Palma, Alcudia, uma parte da Serra de Tramuntana e a comarca do Pla de Mallorca. Incrível. Tome um bom tempo para curtir todo este espetáculo da natureza. Se quiser um cafezinho, dirija-se à cafeteria de um pequeno hotel - "La Hospederia” del Castillo de Alaró. Está aberto todo o ano.

Puig de Alaró. 822 m
Puig de Alaró. 822 m

 

Sobre a rota com bicicleta, destaco a Valle de Orient-Coll d’Honor. Demora-se uma hora para chegar até lá, aproximadamente. Vale a pena, mas as subidas são muito fortes. Se tiver fome ou sede existem bares e restaurantes no povoado. A descida é, possivelmente, umas das mais bonitas e apreciadas da Ilha. 

Restaurante Es Verger
Restaurante Es Verger

E se você quiser hospedagem em um hotel de 5 estrelas, L’Hermitage é uma excelente opção. Somente 20 quartos com acesso a um Spa em um entorno nota 10! Também servem comidas maiorquina e internacional no restaurante do hotel. Está ao lado do Coll d'Orient.

Dalt Muntanya é um hotel de 3 estrelas - o chamado “Petit Hotel con encanto en Mallorca”, com o seu respectivo restaurante. Estão na Carretera Bunyola-Orient, quilômetro 10.

E a natureza, vez ou outra, surpreende-nos em Orient: Es Salt des Freu. Nas épocas de primavera e inverno, depois de dias de chuvas muito fortes, em Mallorca surgem certas fontes e cascatas. A água brota com muita força de lugares incríveis. Recomendo roupa adequada e botas. Existem lugares com barro e lama. O começo do trajeto é no quilômetro 8,5 da Carretera de Bunyola para Orient. Atenção porque você encontrará uma placa de madeira indicando “Santa Maria 2h 40 min”,  mas, não se assuste. Você passará uns 25 minutos caminhando. Tente chegar bem cedinho, melhor sobre as 10h, porque depois o estacionamento que é feito na beirada da estrada, não será fácil. A primeira parte da rota é através de um caminho de pedra e com vistas à Serra de Alfabia. Você encontrará também um torrente, e, possivelmente terá que saltar umas pedras para poder cruzá-lo. No final do caminho localiza-se uma cascata de 7 metros de altura. Neste local e adjacências, através de empresas especializadas, as pessoas fazem rapel, tobogan, saltos, escaladas etc.

 

Que interessante é Orient ! Tenho certeza de que você ficará encantado depois de conhecê-lo. 

Gostou da leitura? Achou interessante? Compartilhe com a família e amigos. Mallorca é paixão à primeira vista.

Até o próximo Elianas Blog.

Abraços de Mallorca.

 

Eliana Pacifico

Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares.

Meu Facebook e meu Instagram.

www.eliana-guia.com Blog Feed

O Museu da Catedral de Mallorca (lun, 12 dic 2022)
O Museu da Catedral têm 3 salas que encontram-se no interior deste recinto. Está composto por artes sacras, pinturas medievais, reliquias e peças de ourivesaria. O acesso a este lugar é feito através da Casa de L’Almoina que está ao lado da torre sineira. Neste vestíbulo, no passado, davam-se esmolas aos pobres e doentes. A primeira sala - Sacristia dels Vermells foi construída no começo do século XIV e localiza - se na parte de baixo da torre do sino. Este nome originou-se graças aos meninos cantores que se vestiam aqui com as suas capas vermelhas.  Aqui estão: o original da Virgem do Mirador  (leia aqui sobre os Portais da Catedral) - atribuída a  Guillem Sagrera - escultor e arquiteto maiorquino (1380-1456) - que também foi o responsável  pela construção de La Lonja. A Custodia Mayor - obra de Josep Nicolau e Joaquin Benin entre os séculos XVI e XIX. Foram usadas madeira no corpo central e prata dourada no seu exterior. Está decorada com brilhantes. Outro objeto muito importante é o altar portátil feito em prata que pertenceu ao Rei Jaime I de Aragão, o conquistador de Mallorca. Dentro do mesmo existem pequenos relicários (sem foto). A Sala Capitular Gótica está dedicada basicamente à pintura medieval:  Retábulo dedicado a Santa Eulália de Mérida - obra de Joan Loret (1335). Retábulo de São Sebastião - Alonso de Sedano (1486). Pinturas dedicadas à Virgem do Manto e ao Calvário (século XV) (sem fotos). No centro desta sala está a sepultura de Gil Sanchez Muñoz y Carbón (1370, Teruel-1447, Mallorca) que era o Antipapa Clemente VIII.  Ele foi um dos bispos de Maiorca e, no teto, de acordo com a sua vontade, está o seu chapéu decorando o recinto. A terceira e última sala é a Capitular Barroca. Ela foi inaugurada em 1701. O seu formato é elíptico e a sua abóboda é muito decorada. Aqui encontraremos: Dois Crucifixos feitos com marfim e que foram doados pelo canônigo Castillo no século XVIII. Dois exuberantes castiçais de prata feitos por Joan Roig e Joan Matons no século XVIII na Catalunha. Cada um pesa uns 248 quilos em prata e foram feitos entre 1703 e 1718. Estão compostos por leões e anjos. O relicario da Vera Cruz (século XVI). Além destes tesouros o visitante verá uma maquete de um braço no qual foi inserido um osso que pertence a São Sebastião, padroeiro de Palma. O relicário de São Pedro feito em prata é considerado uma das obras mais importantes da Catedral. Ele está em uma posição forçada e de lado. É Sant Pere Corbat. De acordo com uma lenda ele ia em uma procissão e quase sofreu um acidente. Para ser evitar ser atingido por um pedaço de um balcão, ele curvou-se milagrosamente. Incrível! Catedral de Mallorca Plaza de la Almoina s/n   Horários: De segunda-feira a sexta-feira : 10 hs a 17:15 hs Sábado: 10 hs a 14:15 hs Domingo: fechado.   Muito obrigada pela presença. Se curtiu, por favor, compartilhe este texto.  Mallorca é uma Ilha fantástica e cheia de surpresas. Até o próximo Eliana’s Blog.   Abraços de Mallorca, Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares Meu Facebook e meu  Instagram
>> Leer más

Cala Mondragó (Sun, 09 Oct 2022)
O verão 2022 foi muito caloroso. Mallorca viveu temperaturas extremas. Durante muitos dias tivemos a sensação térmica de que havíamos ultrapassado os 40 graus. As praias da Ilha, mais de 200, ficaram abarrotadas. Eu estive visitando algumas acompanhando os meus clientes. Assim que este Eliana’s Blog eu vou dedicar a umas das praias mais bonitas de Mallorca. Cala Mondragó é considerada, sem dúvidas, uma das melhores praias do sudeste da Ilha. Ela é conhecida também como Caló de Sa Font de N’Alis (nome maiorquino). Têm 75 metros de largura e graças a sua localização as suas areias brancas com águas super cristalinas e tranquilas nos chamam muito a atenção. No desanime se esta praia estiver cheia porque ao lado de Cala Mondragó encontra-se Cala S’Amarador com uma extensão de 145 metros. Elas estão unidas através de um passeio. Em ambas existem sombrinhas de praia e espreguiçadeiras para serem alugadas. Também existem bares, restaurantes e serviço de salva-vidas durante o verão. Você também poderá trazer a sua própria comida e comê-la em uma área habilitada para os piqueniques. Outra boa noticia é que as duas praias possuem Bandeira Azul, o que significa limpeza, segurança e alta qualidade das suas águas. Este distintivo é otorgado pela Comunidade Econômica Europeia.   Não se esqueça de visitar o Parque Natural de Mondragó. Ele localiza-se entre as duas calas e é uma das grandes joias naturais de Mallorca. Possui mais de 700 hectares e os seus 4 itinerarios podem ser percorridos a pé ou em bicicleta. Além de ter uma extensa região com pinheiros, vegetação nativa, muros de pedra seca,este habitat é usado pelas aves migratórias devido à privilegiada localização em Mallorca.Ele foi declarado Parque Natural em 1992. Como chegar até este paraíso? Desde Palma você deve se dirigir a Santanyí e se desviar a Sa Alqueria Blanca e seguir as indicações até o parque. Existe estacionamento que não é gratuito.  Outra possibilidade é ir com o transporte público desde a Estación Intermodal em Palma com as linhas do TIB 501 ou 515 até Cala D’or. Depois com a linha 521 até este destino. O tempo de viagem é de aproximadamente 2 horas. O acesso às praias é feito em 5 minutos desde o parking. Espero que tenham curtido um pouco mais desta Ilha que admiro tanto. Obrigada pela presença.   Até o próximo Eliana’s Blog. Abraços de Mallorca Eliana Pacifico Guia Oficial de Turismo das Ilhas Baleares   Mi Facebook e Instagram
>> Leer más

Escribir comentario

Comentarios: 0