A Igreja e a Praça de Santa Eulalia

A Igreja de Santa Eulália situa-se na praça com o mesmo nome. Ela possui um campanário muito alto e o conjunto das suas gárgolas também nos chamam muito a atenção. De acordo com a história, neste espaço,anteriormente havia uma mesquita que foi convertida neste templo depois da conquista de Mallorca por Jaime I de Aragão em 1229. 

A sua fachada está composta por diferentes estilos, ou seja, gótico, barroco e  neogótico. Várias associações contribuíram financeiramente na sua construção, por exemplo, sapateiros,  pedreiros, carpinteiros, marinheiros entre outros.

Internamente, o presbiterio foi a primeira parte a ser construída no começo do século XIV. As últimas capelas são originarias do século XVII.

Entretanto somente no final do século XIX foi erguida uma parte da fachada principal e o campanário, Vale ressaltar que a Igreja de Santa Eulália, depois da Catedral de Palma, é considerada o templo religioso mais importante de Mallorca. Santa Eulália é a padroeira de Barcelona. Ela foi canonizada em 633.

Em 1256, o futuro Rei Jaime II de Mallorca, filho do conquistador da Ilha Jaime I de Aragão, jurou alí o seu cargo.Por outro lado, esta igreja é conhecida como o lugar da conversão dos judeus ao cristianismo.

Como é o interior desta igreja?

Ela possui 3 naves e 16 capelas. O seu altar maior foi construído no estilo barroco, e, no qual podemos apreciar a figura de Santa Eulália  sendo coroada entre 2 anjos. Nas laterais existem duas figuras que simbolizam a fe e a esperança. 

Outra peça que tem muita riqueza de detalhes é o retábulo gótico do século XV no qual são venerados São João Evangelista, Santa Luzia, Santa Bárbara  e São Blas. 

A capela de Santa Catalina Mártir foi inaugurada em 1628. A ambos lados desta Santa visualizamos as pinturas que simbolizam a doutora da Igreja Católica, Santa Catalina de Siena e a Mártir de Roma, Santa Inês.

A imagem de Ramon Llull (Raimundo Lulio 1232-1316) está na Capela de São Luis. Ramon Llull pertenceu à Ordem dos Franciscanos e é considerado o Padre do idioma catalão. Trabalhou como escritor, teólogo,missioneiro. 

Ele escreveu mais de 200 livros sobre a verdade e a  moral de acordo com os seus conceitos. Viajou pela Europa,  norte da África e Asia Menor levando os seus preceitos.

Llull tinha um espírito conciliador. Viveu e tentou dialogar com árabes, cristãos e judeus. 

A Capela do Santo Cristo está dividida em duas partes muito interessantes, ou seja, o crucifixo que foi trazido pelo Rei Jaime I de Aragão em 1229. Nos chama a atenção o auto relevo feito em gesso alusivo ao descendimento de Cristo da cruz.

Porta de entrada e portal, com  órgão e rosácea.

Como foi e é a Praça de Santa Eulália?

De acordo com a história, existiam mercados de frutas e carnes, além de haver estado muito próxima dos bairros judeus de Palma. Importantes feiras foram organizadas neste espaço. 

Atualmente encontramos algumas lojas, uma das entradas para a Prefeitura de Palma e uma infinidade de bares onde você poderá tomar uma cerveja ou vinho acompanhados de uma tapa maiorquina. Venha curtir a alegria na Praça de Santa Eulalia. Você merece o melhor!

Iglesia de Santa Eulalia

Plaça de Santa Eulalia 2, Palma

 

Você quer conhecer Mallorca com um roteiro personalizado e exclusivo? Contato em info@eliana-guia.com  https://www.instagram.com/elianapacifico_guiamallorca/?hl=de

 

 

Obrigada pela presença e leitura. Até o próximo Eliana’s Blog.

Eliana Pacifico

Escribir comentario

Comentarios: 0